farmacia consultoria - GIF banner menor

Médico veterinário lista produtos essenciais para atender às demandas do trato com gado de corte

A falta de planejamento de compra e controle do estoque em pequenas farmácias instaladas na propriedade podem trazer prejuízos ao produtor. “Seja pela falta de medicamentos, pela ’empurroterapia’ do balconista ou mau acondicionamento dos produtos”, diz Guilherme Augusto Vieira, consultor do Farmácia na Fazenda.

Depois de anos atuando como médico veterinário em campo, ele desenvolveu uma metodologia para gerir as boticas e, abaixo, dá dicas do que não pode faltar em fazendas de gado de corte. Confira:

Produtos para tratamento de emergência  antibióticos, antiinflamtórios hormonais e não hormonais, produtos para tratamento de diarreia e tristeza parasitária.

Material de enfermaria – gaze, álcool iodado, pistolas, seringas e agulhas (de metal ou descartáveis), termômetro, ataduras e fios de sutura (para apoio ao veterinário).

Produtos para sustentação clínica terapêutica – soros diversos (fisiológicos, solução ringer e soros vitaminados), além de antitóxicos.

Produtos biológicos e antiparasitários para o manejo sanitário do rebanho – vacinas, endectocidas, vermífugos injetáveis ou orais.

Itens para fazendas que trabalham com a fase de cria – iodo a 10%, sendo o vidro de boca larga, e material cirúrgico para corte e tratamento do umbigo do bezerro.

Fonte: Portal DBO
Compre produtos e medicamentos para sua fazenda utilizando os Manuais Farmácia na Fazenda: