SUPLEMENTAÇÃO DE BOVINOS A PASTO, PORQUE SUPLEMENTAR?

0

SUPLEMENTAÇÃO DE BOVINOS A PASTO, PORQUE SUPLEMENTAR?

A suplementação de bovinos é uma tecnologia descoberta na década de 50, e que ainda provocam dúvidas sobre sua aplicação. Suplementar é para grande produtor? Suplementar é fornecer concentrado? Quanto de proteína deve ter um suplemento? É viável? Todas essas e outras dúvidas são comuns ao produtor. Para iniciarmos esse entendimento, temos que entender o princípio desta tecnologia, pois Suplementar é complementar a dieta dos animais baseada no capim, ou seja, fornecer quantitativamente os nutrientes deficientes na sua pastagem para um determinado nível de produção.

A biotecnologia da suplementação de bovinos não surgiu de grandes produtores, muito menos da indústria, mas da busca por eficiência de pequenos produtores rurais que perceberam o estreitamento da margem de lucro em decorrência do fator diluição dos custos que ocorre com o grande produtor.

Seguindo, se algum produtor questionar:… Você sabe qual a composição do seu capim? Se não tem a resposta, com certeza não suplementa, fornece ingredientes concentrados no cocho, o que não apresentam os resultados esperados. Para formular um suplemento é necessário o entendimento das variações na composição do capim, podendo afirmar que, o suplemento formulado para uma fazenda, nunca servirá para outra fazenda, ou até mesmo dentro da mesma fazenda, se o capim ou características dos animais forem diferentes.

Os teores dos nutrientes no suplemento é fator de questionamentos, portanto ergue-se a afirmativa de não possuir relevância, pois a maior importância na suplementação é o quantitativo de nutrientes ingeridos diariamente pelo animal, destacando assim que, quase sempre, o suplemento mais barato é o que apresenta pior resultado, tendo em vista a diluição dos nutrientes. Pode-se ter um suplemento com 15% de proteína com necessidade de fornecermos 3 kg, o que é mais atrativo o suplemento com 45% PB com necessidade de apenas 1 kg/dia.

Sobre a viabilidade econômica pode-se afirmar que, desde que elaborada de forma técnica, a suplementação sempre será viável.

Percebe-se que o uso amador dos suplementos, distorcendo a resposta esperada, perdendo o foco desta biotecnologia que foi a busca por eficiência nos sistemas produtivos.

Ai perguntamos: O(a)  senhor (a) tem interesse em montar um semiconfinamento em sua propriedade? A sua fazenda tem pasto para produção intensiva? quais as pastagens devem ser utilizadas em semiconfinamento? quais as instalações e equipamentos devem constar em um semiconfinamento? Que tipo de ração e suplementos deverão ser fornecidos no semiconfinamento?

Estas e outras questões estarão presentes  Programa de Consultoria Gestão do Semiconfinamento do Semiconfinamento, Instalações,

gestão semiconfinamento

Breve lançaremos o CD Semiconfinameno:

5 - semi confinamento CARTAZ PNG

O CD  consta : Ebook sobre semiconfinamento, com Manual de Produção, planta baixa das instalações, equipamentos utilizados, manejo sanitário, nutricional e planilha empresarial sobre semiconfinamento.

O Manual tem a finalidade de informar os produtores rurais e técnicos de ciências agrárias a nova dinâmica de produção intensiva de bovinocultura de corte em pastagens. Os Palestrantes são altamente qualificados com forte atuação no segmento e serão tratados temas ligados ao segmento.

No qual os produtores terão a orientação por especialistas de como produzir as pastagens para pecuária intensiva, informando os principais fatores que interferem nos resultados finais, desde o uso do solo, a espécie forrageira correta para semiconfinamento e o manejo da pastagem, conseguindo a tão sonhada lucratividade

Reserve o seu: contato@farmacianafazenda.com.br

Agora,

Se Você estiver interessado em transformar sua fazenda em uma empresa rural, conheça o curso on Line Administração Rural da Farmácia na FAzenda / Qualyagro e VeteAgroGestão.

Informações e inscrições: http://farmacianafazenda.com.br/produtos/treinamento/administracao-rural-on-line/

adm-rural-on-line-600x600

 

Fonte: Adaptado de Santana Júnior, H.A. Será que estão suplementando os bovinos, eis a questão!. InformativoZoo: notícias, cotações e tecnologias (Boletim técnico), v.1, p.2, 2017.

 

 

 

Comentários

comentários

Compartilhe